Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Baixada Santista, Centro, Homem



Histórico


    Categorias
    Todas as mensagens
     CONTOS
     COTIDIANO
     CRÔNICAS
     POESIAS
     RELACIONAMENTOS


    Votação
     Dê uma nota para meu blog


     
    Karaminholas

    RELACIONAMENTOS



     
     

    PAU

    Faz 1 ano que eu levei o meu último corno.

    Com o corno do Elânio Luiz.

    Agora outro.

    Com o corno do Paulo Daniel.

    Eu sou um corno periódico.

    E você é uma vaca sem-vergonha.

    De quantos paus você precisa pra viver?

    Um.

    Dois.

    Três.

    É isso?

    Você é uma maníaca sexual?

    Então, vamos fazer o seguinte:

    Vou convidar o corno do Elânio Luiz, e o corno do Paulo Daniel pra morarem aqui.

    Aí você tem pau à vontade.

    E eu deixo de ser corno periódico.

    E passo a ser corno em período integral.

    Eu sou um corno periódico (Google)
    Corno

    Tá satisfeita?

    Ou tem mais alguém?

    Mais algum pau que eu não sei.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 07h18
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    BODAS DE PRATA

    Vamos lá.

    Hoje faz 25 anos que estamos juntos.

    Vamos lá.

    Parabéns para nós, nesta data...

    Um abraço.

    Um beijinho.

    Agora, pode tomar o seu veneno (Google)
    Veneno

    É hora.

    É hora.

    Nosso amor faz anos, o azar é só dele, cada que ano que passa, ele fica...

    Ele fica o quê?

    Mais feio?

    É.

    Mais feio.

    Cada ano que passa, ele fica mais feio.

    E pro nosso amor nada.

    Nada!

    Agora, pode tomar o seu veneno.

    Eu vou cortas os meus pulsos.

    Um brinde à morte.

    De um amor já morto.

    Há anos.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 08h16
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    VIVER

    O último dia do ano não é o último dia da vida.

    Temos a mania de estipular datas, criar fronteiras entre um tempo imaginário e outro.

    De achar que a vida é dividida em anos ou em atos.

    Mas a vida é uma peça com um ato só.

    Termina a peça, apagam-se as luzes, a gente se vai, e entra em cena um novo ator.

    E a vida continua.

    Por isso, não fique esperando o último dia do ano para compensar todos os outros que você não viveu.

    Viva, deixe viver, seja feliz... (Google)
    Viver

    Viva, deixe viver, seja feliz...

    Nem que for só este momento.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 04h22
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    GELO

    Essa noite tive um sonho.

    Sonhei que você transava.

    Aquela sua fantasia...

    Aquela do boquete com sorvete de morango.

    Boquete com sorvete de morango (Google)
    Sorvete

    Eu ria que ria.

    Era engraçado.

    Era você colocar o sorvete, o bichinho caía.

    Frio, o coitadinho ficava com frio.

    E caía.

    E você tentava.

    E caía.

    E você tentava.

    E caía.

    E eu ria.

    E ria.

    Como ria.

    Ô fantasia mais besta.

    Gelo no pau é foda

    Só quem não tem um pode pensar numa merda destas.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 03h19
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    DESESPERO

    Você é a minha flor.

    A minha queijadinha.

    O meu amor.

    O meu frisson.

    Augusto João não pensa assim.

    Tô sabendo.

    O corno tá desconfiado.

    Deu de beber.

    De falar merda.

    Anda dizendo: mato um.

    Tomara que cometa suicídio.

    Tô desesperado.

    Você é a flor metafórica do meu tesão (Google)
    Flor

    Porque você é a medida exata da minha paixão.

    A flor metafórica do meu tesão.

    O espinho afiado da minha consumição.

    E se eu tiver que morrer, eu morro.

    E se eu tiver que matar, eu mato.

    E se eu tiver que sofrer, eu sofro.

    E seu eu tiver que esperar, eu espero.

    Não tô nem aí pra merda nenhuma.

    Tô cego, surdo e mudo.

    Na minha cabeça só você.

    E uma vontade danada de dar uma porrada em Augusto João pra ele deixar de ser besta.

    E sair do meu caminho.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 04h10
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    COMPULSÃO

    O amor é compulsivo.

    Alegria/tristeza, compulsivas.

    Tesão/broxada, compulsivos.

    Diálogo/monólogo, compulsivos.

    O sexo, compulsivo.

    O mel, compulsivo.

    A merda, compulsiva.

    O vai se fuder, compulsivo.

    O você me ama? compulsivo.

    Compulsivo (Google)
    Compulsão

    Fora! compulsivo

    Errei, compulsivo.

    Tá perdoado, compulsivo.

    Os casais, compulsivos.

    A vida, compulsiva.

    A compulsão, compulsiva.

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 07h18
    [] [envie esta mensagem] [ ]



     
     

    CARA DE PAU

    Me diga uma coisa:

    Onde encontro um bom óleo de peroba pra envernizar a sua cara de pau?

    Na cara dura, você deu uma chupada pornográfica na língua de Fábio Gilberto.

    Eu vi.

    Você viu que eu vi.

    E fingiu que não viu que eu vi.

    Santa sacanagem.

    É beijim, beijim, pau, pau; beijo no pescoço e o escambau (Google)
    Beijo no pescoço

    Vou dizer uma coisa:

    Fica avisada

    A hora que eu pegar Mariette Lisandra de jeito, você me paga.

    E depois não venha com conversa fiada pra cima de mim.

    Que esse negócio de virar a outra face é coisa do passado.

    Hoje, pagamos na mesma moeda.

    É beijim, beijim, pau, pau.

    Beijo no pescoço e o escambau.

    Tá sabendo?

    TõeRoberto



    Escrito por TõeRoberto às 05h21
    [] [envie esta mensagem] [ ]




    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]